Carro com alta quilometragem: orgulho ou medo?

dicas-carro-alta-quilometragem-smartfix-pensesmart

Você acredita que quando um carro ultrapassa a barreira dos 100.000 quilômetros rodados já está na hora ou até passou da hora de vendê-lo? Se você estiver preocupado apenas com a desvalorização tudo bem. Há alguns modelos que realmente perdem muito de seu valor de mercado depois de certo ponto, contudo há várias provas que com cuidado e a manutenção em dia, carros podem durar muito mais do que imaginamos.

O maior exemplo disso é o caso do Volvo P1800 do professor aposentado Irv Gordon, que é o carro mais rodado do mundo segundo o Guinness Book. Ele já passou dos 3.000.000 quilômetros rodados e até hoje só precisou fazer o motor duas vezes.

irv-gordon-volvo-747369

O segredo de Irv para manter o Volvo rodando e em plena forma na verdade não é nenhum segredo. Segundo ele, basta seguir o manual do carro, fazer sempre as revisões agendadas e o mais importante: “Quando seu carro fizer algum barulho estranho, ouça o que ele diz”.

Com as revisões em dia e manutenções feitas regularmente é possível fazer seu carro rodar muito mais do que 100.000 km, sem sustos. Ou seja, basta ser um motorista cuidadoso para saber que as vezes não vale comprometer seu orçamento mensal só para trocar de carro.

A desvalorização preocupa, mas se seu carro já está com uma quilometragem alta, está num patamar onde não deve desvalorizar de forma muito acelerada daqui para frente.

Bater a marca dos três digitos com seu carro em boas condições, com certeza vai ser motivo de muito orgulho, não é mesmo?